terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Desejando desjejum


Cada um tem um jeito de tomar café da manhã. E, em geral, vira mania.  Há quem não consiga comer nada quando acorda. Há quem precise de um cafezinho antes de mais nada. Há quem tenha uma fome ancestral! 

Da mamadeira até hoje, passei por fases:  café com leite, leite com Nescau, suco de laranja, berinjela com laranja, cereal maltado com leite.. Há seis anos que estou no suco verde: cenoura,couve, brócolis , espinafre, aipo(que aqui chamam de salsão) erva doce, o que mais tiver e maçã.
Adoro. Adorei desde o primeiro dia. Não, não inventei, vi no Sem Censura uma mulher com cara de sabe-tudo e fiz. Sou MUITO influenciável, principalmente para bobagem.
E o resultado foi imediato: em um mês meu colesterol tinha baixado! Depois acostumou e voltou a subir, mas tudo bem, valeu. É lindo, é divertido de fazer, faz bem, tira todas as culpas de não comer legumes durante um dia, enfim, gosto pra caramba. E meu filho menor também! Crio monstros.

O Jair disse que tem "gosto de trato de vaca" e olha que ele é o cara que põe abelha pra picar o muque pra ficar forte, bebe chá para curar o que for, acredita que casa de marimbondo na porta de casa dá sorte , mas, mesmo assim, não gostou do suco.

Um dos livros que mais li na infância foi As Mulherzinhas, de Louisa May Alcott. Adorava! Lia e relia, achava que eu tinha um pouco de Amy e um pouco de Jo.  E como tudo o que gosto vira coleção, hoje tenho várias  bonecas de papel, casinha, livro pop up  e audiobook das Mulherzinhas além das duas versões cinematográficas, a primeira com uma loura Elizabeth Taylor no papel de Amy. Assisti, também, a peça de teatro, com Silvia Buarque de Holanda como Jo e Martha Rosman como a insuportável Tia March.
Logo no início, as altruístas mulheres, dão seu café da manhã natalino para uma família pobre, e este café constava de creme de leite, bolinhos, biscoitos de farinha integral e pão.  Na casa da família pobre, a mãe prepara mingau de aveia e chá para a senhora doente. Assim, em casa, as meninas comeram apenas pão  e leite. Ah! Mas toda essa bondade foi recompensada, pois o vizinho rico  enviou flores , dois tipos de sorvetes, um rosa e um branco, um bolo, frutas e maravilhosos bombons franceses. Não é o máximo?

Sempre tive essa  idéia de que americano come ovos com bacon no café da manhã, até morar lá. Nada disso. A mãe deixava em um copinho plástico, tipo aquelas taças que vinham das caixas de mágica da infância (anda Catarina! Pára Catarina!) cheio do intragável suco de laranja comercializado já em embalagens longa vida (1971) e cada um escolhia seu cereal açucarado com leite e seguia a vida. Eu ficava na torrada de pão de forma que era guardado em gaveta, não mofava e o pão podia ser dobrado sem quebrar.
 
Meu enteado comia bife a milanesa, arroz e feijão de manhã; minha mãe apenas um café preto com dois biscoitos Maria. Meu pai, café com leite e um "rapitoxti" (devia ser o jeito cearense de minha mãe falar  rapid toast, isto é, sanduiche de queijo quente feito na sanduícheira em cima do fogão)
E eu agora estou no suco do Hulk, que tem até comunidade no orkut, é pra quem quer olhar pro sol sem óculos escuros.. Eu hein...

P.S. A obra da Louise May Alcott é domínio público. Se você fala inglês, pode encontrar aqui . Se você gosta de boneca de papel pode encontrar montes delas! aqui  ou aqui ou aqui a Meg, mas as outras também estão por aí na rede. Acho que tenho todas :-)

5 comentários:

Chris L. disse...

"Sou MUITO influenciável, principalmente para bobagem. " Hahahaha!

Adriana Barreiros disse...

Como vc mede as quantidades para um copo desse suco aí?

angela disse...

Pois é verdade, Cris, acabei de receber um mail falando que dor de cabeça passa se respirar só com a narina esquerda e... tentei, clar!
Adriana, não sou de medir, mas a receita da moça do Sem Censura dizia 1 maçã, 1 folha de couve, 1 cenoura, 1 brócolis.
No Orkut há comunidade de suco verde! Uma mulher da cursos na PUC sobre comidas cruas, sucos verdes para olhar para o sol. Quero olhar pro sol não.

Chris L. disse...

Viche! essa dona dos sucos verdes não deve ser oftalmologista, né?
Olha só que maluca: uma prof americana decidiu comer por uma ano a comida que dão para os alunos na escola pública onde leciona e escreveu um blog sobre isso, com fotos: não vai passar mal, viu?
*http://fedupwithschoollunch.blogspot.com/

Angelo M. Moreira da Rocha disse...

Ângela, a enxaqueca é mal dos nossos pais mas não passou para mim. Gostei do seu novo Blog e de algumas amigas suas gostaremm do meu. Em termos de café da manhã lembro-me que algum nutricionista disse que devemos comer a primeira refeição do dia como um Rei, a segunda (o almoço) como um príncipe e a última (jantar ou lanche) como um plebeu ou mendigo. Procuro concordar e praticar mas não parece coisa de brasileiro. Tomo de manhã dois copos de água, uma laranja, um bom pedaço de mamão, yogurt activia com linhaça em pó e, por fim, café com leite e pão de forma integral. Que tal. Um abração. Primo Ângelo