terça-feira, 8 de março de 2011

HELP!!! Nenhuma delas virou carruagem!

Como conservar? secas ficam boas? dicas, receitas? ano passado as palmas das minhas mãos ficaram cor de abóbora a ponto de minha amiga Malu achar que eu estava com problemas no fígado, e olha que só comia algumas fatias diariamente!
Meu mail é angelaescritora@gmail.com
toda e qualquer dica será bem-vida!! Ah! que não leve bacon, camarão, polvo, carne e gemas de ovos!! A vida de uma colesterolzada enxaquecada não é fácil!

e skindÔ skindô! é hoje só amanhã não tem mais!!

11 comentários:

Chris L. disse...

Em Itapetininga, terra de minha mãe, tem uma tradicional barraca na feira ( esta linda feira mais tradicional ainda) que vende o que chamam de "rapadura de abóbora" mas é só nome, que de rapadura não tem nada: é um doce de abóbora que cortam em tijolos, e vendem por peso. Olhe nessa foto, perto das garrafas de melado: http://christlisboa.multiply.com/photos/album/16/Eu_gosto_da_feira_na_Avenida#photo=15
Tem a consistencia macia de se cortar doce de leite, sabe? E o melhor: tem puro ou tem sabores variados misturados na massa de abóbora: côco, amendoim ou laranja (o meu preferido: com pedaços transparentes de laranja que se acha pelo meio...)são umas delícias! Não sei a receita, mas sei que a massa é colocada ainda quente em caixotinhos de madeira e lá esfriam e endurecem até ficarem no ponto.Depois cortam em tijolinhos. Comer fatias fininhas com queijo fresco é um êxtase! Na geladeira se conservam por meses!Uma deliciosa forma de guardar o sabor das abóboras!

Gina disse...

Angela,
A massa de pastel no forno tem que ser usada rápido, pra ficar crocante, sem ficar impossível de comer...rs!
E o biscoito de polvilho é bom fazer não muito finos, para ficar bem aerado. Tem gente que bate a massa, mas nem isso eu fiz e ficou bom do mesmo jeito.
Passado encanto de vê-las crescer, o que fazer com tanta abóbora? Olhe, desidratar abóbora nunca fiz, mas doce de abóbora já fiz bastante. Com a dieta restrita fica ainda mas difícil, mas sugiro pão, que fica maravilhoso e dá pra congelar.
Bjs.

Abraao Manoel disse...

Parabéns pelo seu blog, tanto pelo layout como pelas postagens. Eu coloquei um Blogroll no meu blog, e todas as pessoas que eu estou seguindo e que estiverem atualizando seu blog, aparecerão na página principal do meu blog, assim eu ajudo a divulgar o trabalho dos blogueiros. Sendo assim eu estou te seguindo, se gostar do meu blog é só me seguir também, abraços. meu blog: http://descansandoamente.blogspot.com/

welze disse...

haja abóbora hein minha linda. esquindô esquindô para vc tb. desejo muitas bênçãos nesse e em todos dos dias de nossas vidas.

Fer Guimaraes Rosa disse...

Angela, tenta congelar as aboboras cortadas em cubos ou assadas. eu gosto de fazer salada com cubos assados. e tambem sopa e pure. um bom recheio para raviolis, temperada com salvia. molho de macarrao, substitui os tomates pela abobora. mas assin in natura elas duram muitos meses, deixe num lugar fresco e seco. beijao! :-*

Andréa disse...

Que fartura amiga, manda umas pra mim, rsrs.

Beijos,
Andréa...

Condominio Solar Visconde Silva disse...

Caramba, Angela! Vc pode fazer muito doce de abóbora com côco, pãozinho, camarão na abóbora, enfim, receitas não faltam. Vc conhece o site "Tudo gostoso"? É lá que encontro as receitas deliciosas que faço.
Vc tem batata roxa? Estou morrendo se saudades de doce de batata roxa.
Bjs ao casal .

angela disse...

Acho que nunca vi uma batata roxa na vida! juro, pela minha saúde. Também fico curiosa assim como a tal sweet potato americana, que é cor de laranja.
Vou fazer tudo! se virem um ser alaranjado por aí sou eu.
Andrea, a gente está no mesmo estado,quem sabe se você não dá uma passadinha aqui e leva uma de cada tipo?
Fer a Neide me disse a mesma coisa, que duram muito, quase um ano, para eu nao me preocupar, mas se abrir não vão durar.. e ooo coisa que alimenta!
Prazer, Abraao, já sou sua seguidora..
Cris, o doce padrão duro não me agrada, mas meu paladar mudou tanto e desse jeito que você descreve meu deu vontade de tentar. Tentarei!!
Obrigada!!

Kenia Bahr! disse...

Oi Angela, já passei aqui pelo seu blog uma vez e volto agora, é muito legal. Fiquei curiosa, achei engraçado seu comentário no Come-se " vou fazer com abóbora"... hehehe... entendi agora.
Bem, quanto às abóboras, já passei por situação parecida quando morava no sítio em Aiuruoca e um pé de abóbora mutante resolveu tomar conta de todo o quintal com abóboras enormes e deliciosas que se multiplicavam a cada dia. Então fiz várias tentativas (seca não fiz, adorei essa idéia), as melhores na minha opinião foram: pão integral com abóbora, pão de abóbora e damasco, pão de queijo de abóbora (fica bem interessante) e o "must", que pra mim serve de super refeição e eu comeria durante dias seguidos sem reclamar: quibe assado de abóbora. Pode fazer com vários temperos e recheá-lo com várias possibilidades (homus tahine, tomate com cebolas, tomate seco com azeitonas e mil....)O quibe dá pra congelar, apesar de não ser a melhor opção, mas é prático e funciona como uma lasanha congelada que pde ser aquecida e resolve sua vida em 20 minutos. Outra coisa que amo é o quibebe, acho que vc deve conhecer... Faço tb cookies integrais sem açúcar com abóbora, ficam divinos...
Tb dá pra fazer o escabeche de abóbora com sardinha (não sei se é do seu gosto, mas é super bom pro coração e ajuda a baixar o colesterol).

E, claro, terei o maior prazer em passar receitas que eu tenho de tudo isso... Um abraço e tudo de bom!

Kenia

angela disse...

Kenia! Aiuroca é aqui do lado, claro que a chuva acabou com a estrada nova, mas é aqui!!
você costuma vir ainda por aqui? Sim, quero tudo!!

Kenia Bahr! disse...

Oi! Sim, eu sei, vc está em Itamonte, certo?
Vou bastante, o sítio continua lá, meio abandonado, coitado, mas temos muitos planos para ele ainda ;) Quanto às estradas, é um desgosto ver o descaso do poder público, não? Durante o tempo em que moramos no sítio, uns 5 anos, sofremos muito nos tempos de chuva, pois muitas vezes tínhamos que ir à cidade de botas sete-léguas pra trabalhar... meio canseira mas ainda penso que foi a melhor época pra minha saúde hehehe...
Mando as receitas pelo email que vc me enviou, pode ser? Assim, vou mandando aos poucos...
E é verdade, as abóboras duram muito qdo fechadas. Costumo ver nas roças pilhas delas amontoadas num canto seco do paiol ou dos ranchos...