segunda-feira, 21 de março de 2011

Sabores da infância

O que será que criança gosta?doce, claro, mas não qualquer um. Ah.. mas sorvete.. hum..
Lembro sempre do filme Pollyanna quando ofereceram sorvete feito em uma sorveteira manual.. ah! aquilo e os cristais colorindo a vida mudaram a minha!
Inesquecível o aniversário quando uma carrocinha da Kibon ficou a postos à vontade. Sorvete feito e casa!
Sorvetes eram diferentes quando eu era pequena e havia histórias de dedos perdidos , grampos e outras coisas nos sorvetes da Kibon. A família dava um passeio noturno até a sorveteria SIX, no posto seis, beira da praia .
Minha mãe tinha uma receita de  um fantástico sorvete de leite, caramelo, sei lá, que, infelizmente, levou junto com ela. Já velhinha, perguntei como era e não soube responder.  Não era cremoso coisa e tal. Tinha lascas, era congelado em formas de gelo, daquelas de metal que fazia cubinhos com uma alavanca. Acredito que fosse feito com gemas e calda de açúcar queimado. Um dia vou tentar. Era bom demais.

Quando conheci minha menina menor, ela tinha 5 anos. Perguntei como é que gostava de sorvete e ela disse: muito!
Ah! também quero muito! mas há triglicerídeos, meu filho se casa ainda esse ano e não quero chegar carregada.. aí, uma amiga postou um sorvete de um spa que foi. E não havia nem açúcar nem leite e a receita era escondida a 7 chaves!
Blá! pra eles! já descobri o sorvete de amoras e morangos agora o de banana! A foto não fica bonita, só se eu colocar florzinhas em volta, fazer produção, mas é uma delícia!
Sabe as bananas secas do outro post? então,deixei em água gelada . Cobrindo as bananas. Elas amaciaram e foram para o processador, viraram uma musse deliciosa de banana! Aí,foi colocar uma horinha no congelador e pronto!
É inacreditavelmente maravilhoso! Nada de lactose, nem açúcar , só a doçura da banana seca!

6 comentários:

welze disse...

sempre muito bom vir até aqui. as lembranças são compartilhadas com muita emoção e simplicidade. o filme Pollyanna, fez muito sucesso na minha infância. assisti no colo da minha irmã. que boa recordação. sorvete de banana. outra boa lembrança. boa semana

Kenia Bahr! disse...

Adorei, Angela. Achei singelo e sincero seu texto. Me de alegria nessa manhã meio nublada por aqui. Obrigada.
Beijos
Kenia

Priscila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Priscila Rivera disse...

Tá vendo pq eu falei que esse blog tá ficando cada dia mais interessante,diferente e lindo?
Adorei tudo!Sorvete de banana amo demais,e esse aí deve ficar diferente!Poxa,acho que nunca vi esse filme. Lá em casa também tinhamos uma receita de um sorvete caseiro de manga que que era incrível,eu trocava por qualquer um da Kibon.Era meu pai que fazia mas ele diz que não lembra mais...

angela disse...

Priscila, Pollyanna é um clássico! Quando você vier aqui você vai assistir. Sorvete de manga é bom demais!!

Priscila Rivera disse...

Combinado então!! Mas podemos assistir com seu sorvete de banana?? :-))))
De manga é sim...que raiva que meu pai não lembra como que faz.Olha,mas era tão bom que eu ainda consigo lembrar do gosto,parece até que consigo sentir aqui e agora,risos!