terça-feira, 10 de maio de 2011

Lauretando

Seguinte: já que é pra ser doido, sou logo doida varrida. Essa coisa de ser só um pouco não é comigo. Descobri até que, já que existe "doido de pedra" sou " doida da Rocha". Está no sangue! no sobrenome!
Pois sou realmente fã de Laura Ingalls Wilder. Acho que vicia. Assim como gatos, tatuagens e plástica. Ou vocês conhecem muita gente que só tenha um único gato, uma única tatuagem, tenha feito uma única plástica? Eu tenho uma ÚNICA amiga que só fez uma plástica e corretiva e teve UM gato chamado Mondrian. A exceção da regra. De resto, só para ter uma ideia, o moço que não come farinha tem mais de 30 gatos.  Gato vicia. Assim como Laura Ingalls.
Então chegou o livro de receitas dela!!!! Aquele outro que já postei é o livro com receitas feitas a partir dos seus livros. Este não. Este  traz receitas comentadas que estavam no caderno de receitas da Laura, este aí ao lado.
Ah! que maravilha! A maluquice maior foi, ao cozinhar, me sentir mais perto da Laura, sabendo que ela sentiu aquele aroma saindo do forno!

Ontem, fiz seu biscoito de aveia e esses gostosos muffins. Amei as forminhas de silicone! Perfeitas! Lindas, baratas, ótimas de usar e limpar.
Então, às receitas! (fiz a metade de cada )

Henny Penny Muffins (dá uns 12)
2 colh de sopa aipo (salsão)
2 colh de sopa de cebola partidinha
4 colhers de sopa de manteiga derretida
2 xícaras de farinha
meia colh de chá de sal
4  colheres de chá de fermento em pó
1 colher de chá de tomilho ou salvia ou ambos
2 ovos bem batidos
1 xicara de frango desfiado já cozido ( usei o restoda véspera, daí os pedaços)

Refogar a cebola e aipo na mateiga até amaciar, peneirar a farinha e o fermento em uma tigela e misturar tudo. Colocar nas forminhas untadas às colheradas e colocar no forno pré aquecido!! Quentinho é muuuito bom, dá também pra partir e passar manteiga. Acho que da próxima vez colocarei um recheio de tomate pra ficar mais molhado .. a imaginação voa!

Agora o biscoito de aveia conforme a receita ( claro que alterei um pouco, coloquei maizena, pois acho que a maizena dá uma textura muito boa aos biscoitos)
2 xíc de farinha
1 colher de chá de fermento em pó
1 colh de chá de canela , 1 de noz moscada
4 xicaras de aveia em flocos
1 xicara de passas
1 xicara de nozes partidinhas
2 xicaras de açúcar mascavo
meia xícara de  banha e manteiga derretida e misturada ( claro que só usei margarina)
2 ovos grandes
meia colher de chá de fermento em pó dissolvido em 4 colheres de sopa de água quente


Aqueça o forno, unte o papel manteiga (cada forma deverá ter uns 12 biscoitos) Peneire a farinha e o fermento e os condimentos. Misture a aveia, passas e nozes. Bata o açúcar com as gorduras e vá colocando os ovos um de cada vez. Misture com as farinhas e adicione a água quente.

Claro que misturei tudo junto na batedeira. BOM DEMAIS!!!

7 comentários:

Renata disse...

Me sinto envergonhada, mas confesso que não sei quem foi, ou quem é Laura Ingalls Wilder, se importaria de me contar?

Mas os livros, receitas e a descrição da coisa toda eu já gostei!

Abraço pra voce!

Gina disse...

Minha cara Julie...rs!
De tanto você falar na Laura, fui pesquisar... Escreveu 10 livros, casou-se de preto, teve uma vida dura, foi feliz e com Almanzo formou um belo par.
O biscoito é dos meus, tem tudo que gosto. Posso dizer que sou uma "biscoiteira" ou, na linguagem mineira, uma "quitandeira".
Bjs.

Anônimo disse...

Conheço alguem que tem , uma unica tatuagem nenhum gato e nenhum cachorro euzinha!!!!!!!! A ultima cachorra que tive morreu com 16 anos e foi muito doloroso ai jurei que nao iria mas ter cachorro , quanto a tatuagem so tatuei o nome do meu filho Pedro no pescoço (bem na nuca) menina , vc nao tem loçao , isso mesmo loçao o quanto doeu pegou bem no ossinho porque a bonita aqui queria a tatoo bem no meinho da nuca final da historia peguei trauma .... Beijos Denise

Anônimo disse...

Acabei de ler o blog da Neide li que vc nunca comeu cuscuz ha que pecado vc , nao sabe o que ta perdendo deliciaaa te garanto que talvez iria gostar mais , do que certos pratos caros daquele restaurante que vc falou. Cuscuz com manteiga , com uma carne de boi ( costela) bem temperada e bem cozida com molho bem suculento hummmmmm. Beijocas Denise

saborcomletras disse...

Cozinhar sempre tem relação com afeto... Adorei essa confissão de fazer receitas para sentir o aroma que o outro sentiu. Cheio de poesia. Abraços, Adriana.

angela disse...

Denise anônima: se deu bem. É o único solteiro no momento! e era o aniversário dele de 31! Meu primogênito premio. Já que você já está comprometida,avise às candidatas, rá rá, pois ele viaja por aí a trabalho na fórmula truck e outros eventos :-))))

angela disse...

li, bastante e adorei o que li, bjs