domingo, 27 de novembro de 2011

Quilos a mais, terceira parte: cafezinho com biscoito ou a gente não quer só comida, a gente quer comida, diversão e artes.

A Prima já falou nos comentários do post anterior que vai mandar as receitas!
Já morei em BH, já morei nos EUA. Já visitei uns tantos cantos. Amei São Luis do Maranhão! com suas dunas de lençóis. Fortaleza é minha origem, lugar ótimo pra vida. Paris é lindo. Roma.. o começo de tudo. Mas me sentir seilácomo, talvezcomosedeláfosse, Londres e Curitiba. Se não de lá fosse, mas de lá devesse ter sido.
E é de lá a artista que pegou um poemeu e materializou. Rita é tão especial que não coloca seu nome nas suas obras, o selo diz:Atelier Ana Beatriz. Nome  que conjuga o antropônimo da belezura ruiva do clip da Banda Mais Bonita da Cidade e de outra filha sua!

Em seu lugar a gente vira Gulliver em Liliput!! Cadeiras, cestinhas, doces, tudo, TUDO confeccionado lá, por Rita e duas ajudantes. Rita fez um trabalho de registro de lojas curitibanas.
Em seu reino Lilliputiano, Rita nos ofereceu café e companhia. Reparei que em Curitiba as cafeteiras italianas fazem parte do cotidiano. E os cafés são bons. Talvez pelas pessoas que me serviram, pois, no Rio, conheci apenas uma pessoa que fazia o café na cafeteira sextavada e não gostava. A cafeteira da minha prima é linda e.. não pinga!!
Rita também fez um livro, e não sobre ela mesma, o livro de outro minimenino, Helio Leites .  E nos presenteou com o livro. E recomendou: vá à feirinha domingo, encontre  o Helio em frente da loja Gepeto.
Ah.. o endereço prometia!

Aí foi uma emoção daquelas!
Helio conta histórias, faz minipeças surpreendentes e conta histórias. A minha predileta é contada dentro de uma sapatilha de ponta. Nela, uma bailarina que gira, gira, gira.. sim, tudo tem movimento. " A bailarina era tão pobre, tão pobre que não conseguiu se inscrever no Teatro Guaira cuja inscrição é de graça" Como ele diz, frente à miniatura, adulto vira criança e criança vira adulto. E lá estava eu deslumbrada com o mágico das palavras e feituras!! Helio faz arte em palito de fósforo ,sorvete e lata de sardinha. Diz que é o verdadeiro milagre dos peixes, pois vende uma lata de sardinha por 100 reais.


Deslumbrada, caminhamos pela feira vendo o talento dos curitibanos. Como diz alguém importante cujo nome esqueci " a explicação da beleza de certos objetos artesanais está no fato de que o artesão já a repetiu tantas vezes que se livrou de seu ego."
(essa é a minha frase pra pensar da semana, veio de um livro que leio sobre peças mínimas de porcelana japonesa. Se o livro prestar,falo procês. Deve prestar,o autor é premiadíssimo e famoso,eu é que sou relapsa)
E continuo andando feliz e aí... UAU! O mais lindo pão de mel do mundo!! e segundo a senhora que os faz " se achou bonito ,vá ao Mercado e veja uns que uma senhora vende por lá, você vai achar os meus feios!" Será que todo curitibano tem essa linda humildade?



Tudo tão lindo e que delícia! escrevo tomando um cafezinho o pão de mel em forma de bota.. Infelizmente esqueci de fotografar os lindos biscoitos de gengibre em formatos natalinos e enfeitados que também comprei , deliciosos! o gengibre entra mesmo para surpreender! mas comi tudo, desculpe.


E aí, na ópera de arame, esse lugar mágico, um cafezinho com biscoito de canela pra ninguém botar defeito!
(achei a foto de alguns biscoitos de gengibre!)

4 comentários:

Gina disse...

Você estava maia feliz do que criança antes de ir pra Disney e acho que essa viagem correspondeu à sua expectativa totalmente.
Os vídeos são uma graça!
Não é à toa que todos nós recomendamos "vá à feirinha do Largo da Ordem", patrimônio de Curitiba! É um belo exercício para as pernas, para a paciência e para a alma, que se deslumbra com pequenos detalhes de arte por todos os lados.
Bjs.

Anônimo disse...

Olá, boa noite!

Faço parte do Gourmetidos, um site especializado em gastronomia! Temos dicas de bares e restaurantes, receitas, "Saúde na mesa" com dicas de uma nutricionista, além de muito mais!
Estamos atualmente passando por uma reforma e com inúmeros projetos. Dentro de aproximadamente um mês estaremos lançando nosso novo layout.

Adoramos seu blog e, por isso, gostaríamos de saber se você aceita ser um parceiro Gourmetido?
Entre em contato conosco: colunista@gourmetidos.com.br

www.gourmetidos.com.br

neri disse...

Moro em curitiba vai fazer 12 anos e nunca fui na feirinha do largo da ordem que vergonha e o que estou perdendo.Amei tudo o que vc escreveu sobre a cidade.

angela disse...

Neri, espero muito que haja outra oportunidade de ir nessa cidade maravilhosa. Meu marido ficou tão impressionado com a minha alegria que ontem começou a ver preços de imóveis para alugar :-))) mas temo que seja frio demais para velhice, como aqui em casa já o é. A artrose já me perturba! Imagine daqui a dez anos.
Eu enlouqueço com esse tipo de feira. A de BH, quando eu morava lá, me mostrava uma senhora que fazia delicados cartões em papel vegetal com passarinhos pintados em sementes de laranja! Tenho ainda, é uma loucura. Um homem que fazia castelos (meus filhos usufruiram , depois ficou de enfeite e depois dei pra minha enteada quando ela tinha 5 anos) bonecos mecânicos de madeira.. tenho ainda (meu caseiro os odeia! acha horríveis) No Rio também, cada coisa linda ( no caso me enchi de saias rendadas pois sou "ripi-véia") Gina, aquela nossa entrada triunfal na catedral ainda me traz lágrimas nos olhos! Claro que quero qualquer coisa com os gourmetidos! João Pessoa vai ser minha próxima parada!! Tenho de conhecer. Minha prima disse que é um dos lugares mais ótimos que conhece, e ela já foi pra muitos!